18-04---Post-Blog---10-trilhas-lindas-para-fazer-no-Brasil-CAPA

10 trilhas lindas para fazer no Brasil

A internet e o avanço dos meios de transporte abriram as portas do mundo para viajantes. Planejar uma aventura hoje é muito mais fácil do que há 20 anos; você conta com diversas opções de destino e, depois que escolher um, pode visualizar milhares de fotos, ler depoimentos de outras pessoas, conferir listas do que fazer ou evitar, etc.

E falando em listas, o artigo de hoje é perfeito para você, que ama viajar e quer se aventurar em uma trilha, mas sem ir ao exterior. Confira a seguir as principais opções de trilhas em território brasileiro:

Buraco_das_araras_bonito_ms

1. Conheça o Buraco das Araras, em Bonito – MS

Esforço físico: leve

Duração aproximada: 1h30m

A trilha é feita perto de Bonito e oferece vários daqueles momentos que “você precisa ver ao menos uma vez na vida”. É o caso, por exemplo, de conferir o casal de jacarés-de-papo-amarelo soltos no habitat. Também é possível avistar diversas aves e inclusive araras-vermelhas!

Isso é possível porque o percurso (de quase um quilômetro) leva até uma dolina – antiga caverna onde o teto desabou. Lá, vivem as araras e diversas outras espécies de animais.

Ao longo da trilha você também pode parar em dois mirantes para observação. Um dos pontos de destaque é que o Buraco das Araras possui uma infraestrutura bem organizada.

jardim_elizabeth_fernando_de_noronha

2. Confira o Jardim Elizabeth, em Fernando de Noronha – PE

Esforço físico: leve

Duração aproximada: 1h

O espaço foi batizado pelos holandeses, na época da colonização. A trilha pelo Jardim tem pouco mais de um quilômetro e meio, passando pela mata e por uma ponte antiga, do século XVIII.

Uma das grandes vantagens é que o passeio acaba na linda Praia do Cachorro, perfeito para se refrescar depois da caminhada.

Rio_do_Boi_Serra_Gaucha

3. Arrisque-se na Trilha do Rio do Boi, na Serra Gaúcha

Esforço físico: muito intenso

Duração aproximada: 6 a 7h

Um passeio tão bonito quanto difícil. Você irá atravessar rios, passar por terrenos irregulares e pedregosos e muitas subidas.
É uma aventura para quem está com o condicionamento físico em dia e gosta de estar em contato com a natureza. Além de ser, claro, uma chance especial de valorizar as paisagens naturais do Brasil – em especial a Serra Gaúcha.

trilha_capim_açu_fernando_de_noronha

4. Faça a Trilha Capim-Açú, em Fernando de Noronha – PE

Esforço físico: leve-moderado

Duração aproximada: 3h

Aberta apenas de agosto a fevereiro, é uma das trilhas mais indicadas em Fernando de Noronha. O percurso é de sete quilômetros, sendo que ao longo do caminho você pode observar de cima toda a Ilha de Fernando de Noronha.
A aventura acaba na Praia do Leão, onde as tartarugas marinhas costumam deixar ovos.

Trilha_Lontras_cotiporã_serra_gaucha

5. Fique por dentro da Trilha das Lontras, na Serra Gaúcha

Esforço físico: moderado

Duração aproximada: quatro horas

A trilha fica a seis quilômetros da cidade de Cotiporã – RS. A caminhada se dá no meio da mata nativa, com muitas quedas d’água.

Aventura perfeita para ficar perto da natureza e conhecer um pouco mais da história da imigração italiana no Brasil.

trilha_descobrimento_bahia

6. Aventure-se na Trilha do Descobrimento, na Bahia

Esforço físico: intenso

Duração aproximada: cinco dias

A melhor maneira de conhecer as lindas praias da Bahia de uma só vez. Ao longo dos 80 quilômetros da trilha você passa por locais incríveis e pouco conhecidos.
Uma das maiores recompensas é que a aventura acaba em Trancoso, um dos lugares mais famosos e bonitos do estado.

travessia_lençóis_maranhenses

7. Faça a Travessia dos Lençóis, no Maranhão

Esforço físico: intenso

Duração aproximada: quatro a cinco dias

São pouco mais de 30 quilômetros, que trazem a vantagem de passar por trechos intocados do relevo brasileiro. As lagoas e dunas são belíssimas e – para recuperar as energias – conte com a rica culinária local.

pedra_do_sino_RJ

8. Explore a Pedra do Sino, no Rio de Janeiro

Esforço físico: moderado a intenso

Duração aproximada: quatro a seis horas

Para fazer essa trilha é preciso comprar a entrada para o Parque Nacional Serra dos Órgãos. O ponto alto do passeio é assistir ao nascer e pôr do sol lá de cima, depois de passar por algumas cachoeiras. A vegetação é bonita e o contato com a natureza deixa a subida menos cansativa.

cachoeira_rio_preto_goiás

9. Viaje à Cachoeira do Rio Preto, em Goiás

Esforço físico: leve

Duração aproximada: uma hora

Trilha leve, mas que não fica devendo em questão de beleza. Muitas pessoas aproveitam para nadar lá, em dia de sol.
A dica é ir na baixa temporada, porque o local costuma atrair muitos turistas.

boca_da_onça_bonito_ms

10. Visite a Boca da Onça, em Bonito – MS

Esforço físico: intenso

Duração aproximada: 6h

O nome chama a atenção, mas no passeio não tem onça, apenas uma cachoeira que leva esse nome curioso e ostenta o título de maior queda d’água do Mato Grosso do Sul. A trilha pela mata (ótima chance de ficar perto da natureza e conferir a fauna e flora) se estende por quatro quilômetros.

O grande diferencial do passeio é que você passa por oito cachoeiras, com quatro paradas para banho. Um ótimo jeito de se refrescar e recuperar as energias para seguir até o fim da trilha. As fotos e vídeos mostram como esse lugar é realmente mágico.

**

E essas são apenas algumas das opções! Só em Bonito – MS são diversas opções de trilhas e passeios. Conheça todas com a ajuda do Roteiro Fácil e monte seu programa e monte sua viagem!

Até a próxima!

Comments (2)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *