Como-organizar-as-financas-para-viajar-nas-ferias

Como organizar as finanças para viajar nas férias

Entender como organizar as finanças para uma viagem é extremamente importante, para que tudo saia do jeito que você deseja. E se pararmos para pensar, a matemática pode parecer simples, mas não basta apenas saber quanto dinheiro é preciso economizar.

Em primeiro lugar, um bom planejamento financeiro para uma viagem parte do entendimento sobre: 

  • como funcionam as suas finanças pessoais;
  • quais são os seus objetivos na viagem;
  • o quanto você recebe e o quanto você gasta; 
  • a importância de se comparar preços; 
  • e, principalmente, sobre como economizar dinheiro.

Além disso, planejar o orçamento de uma viagem parte do princípio que cada pessoa tem expectativas diferentes, tanto sobre o destino a se escolher quanto sobre o que se deseja vivenciar em uma trip

Por exemplo, há pessoas que não desejam comprar presentes para si ou para os outros, durante a viagem. Assim como há pessoas que desejam adquirir algo durante os seus passeios.

pessoa_feliz

Mas o que une estas expectativas diferentes? Justamente a vontade imensa de partir rumo a um destino, seja ele conhecido ou desconhecido.

Neste sentido, algumas perguntas são comuns para as pessoas que estão planejando viajar. E são estes questionamentos que iremos explorar juntos neste artigo, para você entender definitivamente como organizar as finanças, economizar e, por fim, fazer aquela viagem tão sonhada! 

Entenda como organizar as finanças para viajar em 6 passos

1. Faça uma lista do que você espera do lugar ao qual vai conhecer

Supondo que você já saiba exatamente o lugar que você deseja viajar, faça uma lista do que você quer vivenciar nesse local. Vale a pena colocar em um documento de texto os passeios, os locais para almoçar, para jantar e também aqueles lugares que você quer conhecer. 

Ou seja, visualize tudo o que o destino possui e que você almeja ter incluído no seu cronograma de viagem

2. Entenda qual é a melhor época para visitar o local

Se o intuito é economizar, não pense em conhecer lugares nos períodos de alta temporada. E uma simples busca na internet já lhe ajuda a saber quando ocorre esse período no destino escolhido.

E se você for parar para pensar, viajar na alta temporada pode ser sinônimo longas filas, lugares lotados, disputa por locais para comer e preços elevados nas passagens aéreas e na hospedagem. 

Mas na baixa temporada, pode ser que você perca grandes eventos e se depare com um número limitado de hospedagens, restaurantes e vida noturna, que poderão ter horários reduzidos para funcionamento ou estarem fechados.

Aqui vale a máxima do bom senso e do alinhamento das suas expectativas com o período ao qual você vai escolher para viajar para o seu destino. 

planejando_a_viagem

Por fim, caso você esteja pensando em se planejar para conhecer um destino ecoturístico, não deixe de verificar as condições climáticas no período em que irá acontecer a viagem, pois alguns passeios podem não funcionar em determinadas épocas.  

3. Vai ser com conforto ou mochilão?

Pode parecer uma pergunta boba, mas esse terceiro passo é bastante importante no planejamento financeiro da sua viagem. Isso porque é preciso que as suas necessidades estejam alinhadas ao tipo de viagem que você pretende fazer.

Viagem com conforto

Quem prefere viajar com conforto, precisa entender que o planejamento pode ser de médio a longo prazo, no sentido de reunir a quantia suficiente para ter tudo o que deseja ao seu dispor. 

É preciso avaliar os melhores horários das passagens aéreas; hospedagens condizentes com a sua expectativa; cronograma de locais para alimentação; transporte para deslocamento; ingressos para atrações; taxas de turismo e suvenires.

Para quem quer conforto, o planejamento financeiro da viagem precisa abarcar os pontos citados acima.

Mochilão

Já para quem decide fazer um mochilão, as expectativas são completamente diferentes de quem prefere conforto. Normalmente, quem escolhe essa modalidade de viagem não está colocando a comodidade em primeiro lugar, e sim a economia ao extremo e a flexibilidade de se poder escolher para onde ir e onde ficar, a qualquer momento. Itens como deslocamento ou suvenires não são tão importantes e podem não ser contemplados pelo orçamento. 

Por isso, se você pretende ter conforto ou está apenas pensando em sair desbravando o mundo com o mínimo de orçamento, entenda que esses são universos bem diferentes, assim como o seu planejamento de viagem.   

4. Faça todo o orçamento de viagem 

Agora que você já sabe para onde vai, o que deseja fazer por lá, qual época vai visitar e se vai ser com conforto, ou não, comece a colocar no papel todo o orçamento da sua viagem. 

Inclua o custo médio de itens como:

  • hospedagem;
  • passagem;
  • transporte;
  • alimentação;
  • passeios;
  • seguro de viagem
  • reserva para imprevistos;
  • e tudo o mais que você sabe que vai precisar despender dinheiro.
canoa_no_rio

A partir desses pontos, coloque na ponta do lápis quanto vai sair cada item e tenha em mãos uma prévia dos seus gastos na viagem.

5. Utilize milhas e pontos de cartão de crédito

Não é comum darmos grande importância às milhas aéreas e aos pontos em compras no cartão de crédito. Mas estes podem ser os seus grandes aliados para uma viagem bem planejada e com economia. 

Além disso, algumas empresas oferecem cashbacks, ou seja, quanto mais você compra, mais dinheiro você recebe de volta.

Entenda como conseguir estes benefícios e tenha o controle de todos eles, cuidando para que não expirem. Assim, você poderá economizar ainda mais nas suas passagens aéreas, por exemplo. 

6. Pesquise, pesquise, pesquise  

Onde e quando você puder, pesquise! Seja para as passagens aéreas, para a hospedagem ou para aqueles passeios que você deseja fazer no seu destino, fique sempre de olho nas promoções.  

Por fim, não esqueça de colocar um limite de gastos durante a sua viagem, para que você não volte para a casa no vermelho. Outro ponto importante é utilizar a tecnologia ao seu favor. Abuse dos Apps de planejamento financeiro e de alertas de preços de voos e hotéis.

Baixe a planilha de organização financeira

E para te ajudar a organizar as finanças e tirar a tão sonhada viagem do papel, clique na imagem abaixo e faça o download da planilha de organização financeira que criamos para você:

E se você está pensando em planejar sua viagem aqui pelo Brasil, nossas dicas são as belas cidades de Bonito e Fernando de Noronha, e também a maravilhosa Serra Gaúcha. Para esses lugares, você pode contar com o Roteiro Fácil e o App da Bonitour, que possui check-in online e muitas outras facilidades! 

Gostou deste artigo? Deixe seu comentário e conte para nós para onde você está planejando viajar!

Créditos da capa @ricnetto


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *