Quer ter um contato único com a Natureza? Aproveite a baixa temporada

Você sabia que uma pesquisa recente revelou que o maior desejo dos brasileiros é viajar mais e conhecer novos lugares?*

Talvez esse desejo seja tão frequente porque viajar ajuda a fugir um pouco de toda a correria da vida moderna. E para esquecer a cidade, uma das melhores opções é se jogar no ecoturismo.

Estamos falando de curtir as férias perto da natureza, ou – se você não tiver direito a esse descanso – escapar durante um fim de semana ou um feriado prolongado (é ainda mais fácil dar essa “escapada” se for durante a baixa temporada, mês de junho, devido aos preços baixos!)

Então, anime-se e comece a pensar na sua próxima viagem! Para te deixar ainda mais motivado, trouxemos dicas especiais para cair logo na estrada, abordando ao fim do post lições para quem quer viajar sozinho a Bonito. Confira:

sozinho1

1. Viaje sozinho, sem peso na consciência

Muitas pessoas deixam de viajar porque não encontram alguém para embarcar junto na aventura, ou porque a companhia ideal (namorada(o), amigos) não tem vontade ou tempo.

Nesse caso, vale um conselho: seja você a sua melhor companhia. Planeje uma viagem sozinho com o mesmo cuidado e carinho que você planejaria caso fosse junto aquela pessoa especial.

Dessa forma, a viagem não será apenas um longo passeio: será uma experiência de auto-descoberta. Você ficará mais independente, mais aberto a conhecer pessoas diferentes, seguirá o seu ritmo e fará os passeios que quiser, sem interferências.

E depois que você voltar, terá tantas histórias legais para contar que todo mundo ficará motivado para te acompanhar na próxima aventura.

acompanhado

2. Viaje acompanhado, sem estresse

Se você tiver aquela companhia ideal, perfeito. Faça junto com ela os planos, divida as despesas e caia na estrada. Para evitar preocupações, definam junto as datas, passeios e detalhes importantes. Combinando tudo isso antes vocês ficam livres para a melhor parte: curtir o destino e a experiência da viagem.

3. Aproveite nossa dica de destino

Para esquecer da correria, a melhor alternativa é ficar perto da natureza. E Bonito, no Mato Grosso do Sul, traz muitas (mas muitas mesmo) formas de entrar em contato com paisagens naturais inesquecíveis.

São passeios com mergulhos em cachoeiras, flutuação em rios e até mesmo trilhas que levam a uma gruta com lagoa – dá para imaginar? O cenário é digno de filme e o nome também: Lagoa Misteriosa.
Além disso, a vida cultural da cidade é bem interessante, com festivais, lojas de arte/artesanato local e até mesmo um passeio onde você pode interagir com jiboias!

lagoa-1

4. Conheça Bonito sozinho ou acompanhado

Conforme explicamos antes, viajar sozinho é uma experiência única de auto-conhecimento. E em Bonito, a proximidade com a natureza deixará você relaxado, trazendo ótimas inspirações enquanto você mergulha em uma cachoeira, por exemplo. E são tantas opções de passeios que até fizemos um artigo especial para quem planeja ir sozinho a Bonito.

E se você for junto à família, também são várias opções! Há passeios que agradam desde os pequenos até os maiores de 60 anos.

5. Aproveite a baixa temporada

Em questão de custo-benefício é muito difícil encontrar um destino tão incrível quanto Bonito na baixa temporada. Os passeios são organizados, seguros e sustentáveis (Bonito é o destino número 1 em ecoturismo no Brasil). A cidade é acolhedora e os moradores, muito educados e solícitos.

Escrevemos sobre todas as vantagens da baixa temporada em um artigo completo, que ajuda muito quem já ficou com vontade de arrumar as malas.

pacote-baixa-temporadaPowered by Rock Convert

Dica extra: o Dia dos Namorados, em junho, cai na Baixa Temporada de Bonito. Se você está sozinho, é mais um motivo para viajar e se aventurar na natureza. Quem sabe não pinta até uma paixão por lá?

Falta de companhia ou de dinheiro não são mais desculpas para você não viajar! Conheça Bonito na baixa temporada e se surpreenda com a beleza única da natureza desse lugar.

E para planejar sua aventura, conte com o Roteiro Fácil.

Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *