experiencia_daniel_bonito-capa

Minha experiência em Bonito MS – por Daniel Machado

pacote-2-de-novembro-bonitoPowered by Rock Convert

Já experimentou deixar sua zona de conforto? Sair por aí, conversar com novas pessoas, desbravar lugares ou compartilhar de novas culturas?

Por 30 dias eu tive essa sensação. Então já abre o teu navegador e digita “Bonito – Mato Grosso do Sul” e me acompanha nessa viagem.

Vou compartilhar com você alguns dos passeios que fiz e se quiser saber mais sobre eles é só acessar o Roteiro Fácil da Bonitour.

Cachoeiras – Serra da Bodoquena

A trilha das cachoeiras na Serra da Bodoquena sempre terá um lugar especial na minha memória; pois foi meu primeiro passeio nas redondezas de Bonito. Ela inicia com uma breve explicação do guia sobre as características da região – vegetação, animais. No primeiro ponto para banho os visitantes podem sentar nas pedras e relaxar o corpo na queda da água – praticamente uma hidromassagem natural.

Mais um pouco de caminhada e encontramos um deslumbrante cardume de piraputangas – o peixe típico da região – a espécie está totalmente familiarizada com a presença dos humanos, e se aproxima tranquilamente.

O ápice da trilha está no meio do caminho: é a famosa Cachoeira da Gruta. É a maior queda do passeio, um espaço paradisíaco, onde a temperatura da água é extremamente agradável.

experiencia_em_bonito_daniel

Encerramos o passeio em um percurso no ‘duck’, um tipo de bote em que você tem a possibilidade de remar sozinho, em dupla, ou também pode acompanhar parte do grupo em um duck muito maior.

Como ninguém é de ferro, ao retornar do percurso da remada, voltamos ao receptivo, lá uma deliciosa comida típica nos aguardava para forrar o estômago e retornar para Bonito.

Nascente Azul

Está buscando por um lugar inesquecível? Faço qualquer aposta que os seus olhos irão brilhar quando ver pela primeira vez a Nascente Azul. Você lembra aqueles vídeos de mergulho no fundo do mar, passando por aberturas em rochas, vegetação marinha e cardumes de peixes? Então, você pode ver tudo isso.

Dependendo do horário agendado para o seu grupo, você pode curtir o receptivo antes ou depois da trilha de flutuação. O espaço oferece várias opções para se divertir, tirolesas, duck, atravessar uma passarela de madeira e cair na água.

Antes de vestir o equipamento para flutuação, passamos pelo Adventure, complexo que possui a maior tirolesa do estado do Mato Grosso do Sul – a descida tem 450 metros. Seguimos adiante, é uma caminhada bem relaxante, logo você avista uma água absurdamente linda, que lembra as águas caribenhas.

O ápice do passeio é sugestivo, está no nome do atrativo. A Nascente Azul contempla uma imagem que nunca mais será esquecida. Antes de iniciar a flutuação, você tem a oportunidade de mergulhar e visualizar bem de pertinho a nascente – puxe o ar, prenda e se atira na água, é uma experiência absurdamente fantástica.

Na sequência do mergulho você vai vestir o colete e ir flutuando, vendo de pertinho os cardumes de piraputangas, e curtindo uma água quentinha e extremamente bela. Anota aí, você precisa visitar esse lugar.

experiencia_em_bonito_daniel

Aquário Municipal

No Aquário Municipal pude conhecer mais sobre as espécies de peixes que estão nos rios de Bonito e região. Nunca tinha visto uma piranha anteriormente, nem mesmo a raia de água doce ou o monstruoso jaú.

Fiz a visitação na terça-feira, dia em que a alimentação pode ser vista pelo público. Se você quer tirar algumas fotos desse momento, seja ágil. A velocidade que os peixes se alimentam é impressionante – principalmente o dourado.

experiencia_daniel_bonito

Os instantes em que o monitor atrai o jaú poderia ser acompanhado por um trilha sonora de suspense – o bicho é gigante, e o som que faz quando abre a boca para comer foi capaz de derrubar muitos celulares que tentavam fotografar a sua hora da refeição; o som é sinistro, lembra uma bomba dentro da água.

O encerramento é com a alimentação da raia de água doce, com algumas pinças, segurando a ração, você pode alimentá-las e se tiver coragem deixar que mordam seus dedos, não é muito agradável, mas é uma experiência bem legal. Você também pode acariciá-las, são muito dóceis e no que pude notar, gostam de carinho.

Projeto Jibóia

Preciso confessar que até conhecer o projeto, eu tinha algum receio quanto a cruzar o caminho de uma serpente (e ainda tenho – risos.) Brincadeiras a parte, sempre achei as serpentes belos animais, exóticos e dotados de um poder hipnótico. Por uma ideia preconceituosa, deixei minha mente absorver vários mitos e temores a respeito das cobras. Claro que acidentes são comuns e a mínima gota de veneno de algumas espécies podem ser letais, porém, quando entendemos o cenário completo, passamos a entende-las e principalmente respeitá-las.

Você provavelmente conhece alguém com hipertensão; alguma vez você parou para conferir a bula do remédio? Quer saber quem auxilia no tratamento da pressão alta? As serpentes! Precisamente, as jararacas, que junto da cascavel ocupam o topo da lista das cobras mortas por humanos no Brasil.

Nesse dia eu tirei algumas fotos com o Bolinha – a serpente que foi nossa companhia durante a palestra. Descobri que as cobras reagem somente à três estímulos: favorável (alimentos), desfavorável (predadores); indiferentes (eu). A pele é seca, não tem absolutamente nada de cheiro e são mais higiênicos que os animais que temos em casa.

experiencia_daniel_bonito

Sigo com meu medo, com grande sinal de respeito. A experiência é muito válida, precisamos abrir a cabeça e entender que as serpentes não querem nos fazer mal ou nos machucar. Elas não estão invadindo nosso espaço, até porque, quem chegou aqui primeiro foram elas.

Boca da Onça

O passeio já inicia antes mesmo da chegada. Em uma área de muita mata, Boca da Onça é um nome bem sugestivo, e a imaginação já liga os pontinhos dentro do cérebro visualizando o encontro com o animal.

Infelizmente não vi nenhuma onça, somente uma toca da parda que o guia sinalizou. O que eu vi, foi um lugar absurdamente fantástico.

Iniciamos a atividade descendo os 866 degraus ainda no sol. Quando chegamos até a gigantesca cachoeira da Boca da Onça, a maior do estado do Mato Grosso do Sul, o tempo fechou, e na minha visão, deixou o cenário ainda mais belo. A mistura dos pingos de chuva com a água corrente da cascata é uma imagem que fotografei mentalmente.

A próxima parada foi na prainha da Boca da Onça, um espaço generoso para se refrescar observando a cachoeira ao fundo. A chuva apertou, e a sensação era melhor possível, o som das gotículas de água batendo nas folhas e o som dos animais enriqueceram a caminhada.

Estávamos na metade do caminho, quando as pernas começavam a dar os primeiros sinais de cansaço, quando avistamos a Cachoeira do Fantasma, só um pensamento ocupava a mente: absurdo de lugar!

Se iniciamos a trilha muito bem, o fechamento deve ser com chave de ouro, e assim foi. De fora o Buraco do Macaco já merece toda admiração, mas quando mergulhamos por baixo da abertura da rocha, e chegamos ao centro – que experiência! Desejo com todo coração que as pessoas possam visualizar o que eu vi, e sentir o que eu senti. Absoluta certeza que vai marcar você.

experiencia_daniel_bonito

Parque Ecológico do Rio Formoso

Fiz uma maratona de atividades em um dia – iniciei pela cavalgada, seguido do Boia Cross e para fechar o dia, uma trilha ecológica acompanhada de flutuação descendo o Rio Formoso.

Cavalgada: A primeira atividade do dia foi a cavalgada, excelente opção para quem nunca andou a cavalo e também para aqueles com certa experiência na montaria. Um guia responsável acompanha os visitantes no passeio, os cavalos são extremamente dóceis e acostumados ao trajeto que percorre a extensão do parque ecológico, passando por um pequeno banhado, áreas de preservação e mata fechada.

experiencia_daniel_bonito

Boia Cross: Depois da calmaria na cavalgada, foi o momento da agitação. O dia era perfeita para prática da atividade, sol, calor, e água estava muito convidativa. As instruções eram claras, descer o rio tentando ao máximo ficar sobre a boia. Se cair, sem problemas, você pode curtir um mergulho no Rio Formoso. A atividade obedece normas de segurança, os guias prestam atenção aos mínimos detalhes, somando tudo isso, você pode aproveitar as corredeiras se divertindo com segurança.

experiencia_daniel_bonito

Trilha Ecológica: Depois do almoço fiz a última atividade do dia, a trilha ecológica que contorna o parque. A atividade envolve a caminhada pela mata, no entorno do Rio. Depois de alguns quilômetros, entramos na água e flutuamos até certo ponto do rio.

experiencia_daniel_bonito

Tem alguma dúvida sobre os passeios que eu fiz? você pode conferir todos que falei na ferramenta Roteiro Fácil no site da Bonitour, lá você pode montar sua viagem personalizada com os passeios, hospedagens e pacotes de acordo com o seu orçamento. Legal né?

experiencia_daniel_bonito_roteiro_facil

E você, já foi para Bonito também?

Conta aqui nos comentários sua experiência para nós!

Comments (6)

  1. Gostaria de saber sobre o clima em Bonito, qual é a melhor época do ano para realizar os passeios? Há período de chuva não recomendável?

    1. Olá Lu, tudo bem? 😊

      Cada mês tem as suas particularidades, não existe nenhuma época considerada ideal para visitar Bonito, pois cada atrativo é único e, dependendo do mês ou da estação, pode impactá-lo em diferentes maneiras, fazendo com que fiquem em condições ainda melhores.

      A estação chuvosa, entre dezembro e março, coincide com o verão, época de calor intenso e temperaturas na casa dos 35ºC. Nesse período as cachoeiras estão mais cheias e a mata, mais verdinha.

      A estação seca, entre os meses de maio e agosto (inverno), é a época em que os rios estão mais cristalinos e com mais peixes.

      Se a ideia é aproveitar a transparência das águas, a melhor época do ano em questão de clima é entre os meses de Junho a Setembro.😉

      Você já conhece o Roteiro Fácil? Nele você pode visualizar o dia a dia da viagem e conferir todos os itens contratados, como passeios, hospedagem, aluguel de câmera subaquática e transportes. Você poderá verificar a hora, data, número de pessoas, informações sobre o local e mapa.

      Ficou muito mais simples e rápido organizar sua viagem!

      Caso precise de ajuda para montar seu roteiro conte conosco! 😉

      Esperamos você aqui em Bonito, uma braço!

    1. Olá Vanessa, tudo bem ? 😊

      Viajar sozinho é uma experiência única de auto-conhecimento. E em Bonito, a proximidade com a natureza deixará você relaxado, trazendo ótimas inspirações enquanto você mergulha em uma cachoeira, por exemplo. E são tantas opções de passeios que até fizemos um artigo especial para quem planeja ir sozinho a Bonito.

      Você pode conferir ele aqui: http://blog.bonitour.com.br/sozinho-em-bonito-ms/

      Monte aqui seu roteiro: https://www.bonitour.com.br/?lang=pt-br

      Caso precise de ajuda estamos a disposição!

      Abraço.

  2. Que lugares lindos!!! Esse contato com a natureza deve ser incrível. Tenho muito interesse em conhecer e me aventurar por Bonito, mas tenho algumas dúvidas: o acesso aos locais de turismo é fácil? Os custos são atrativos? Há passeios para crianças menores! Obrigada por compartilhar a sua experiência!

    1. Olá Daniele, tudo bem? 😊

      Conhecer Bonito é uma experiência inesquecível!

      Para o acesso aos atrativos existem algumas opções que são comuns: a primeira é o transporte compartilhado, em que uma van ou micro-ônibus pega os visitantes no hotel, leva até o atrativo e depois os traz de volta.

      A segunda é o aluguel de um carro. As estradas são bem sinalizadas e você ganhará mapas da Bonitour para se orientar.

      Saiba mais sobre essas opções (com valores): Tudo sobre o transporte em Bonito – MS.

      Em relação ao custo, existem períodos em que os valores dos passeios ficam mais atrativos, você pode conferir tudo sobre baixa temporada AQUI.

      Em Bonito existem vários passeios que crianças podem fazer!

      No Roteiro Fácil, você pode colocar a idade da criança nas configurações do roteiro, e serão exibidos todas as atividades que elas podem realizar.
      Acessa aqui: https://www.bonitour.com.br/passeios

      Se precisar nossos consultores de viagem estão online em horário comercial no chat.

      Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *