Saiba como planejar sua viagem gastando pouco

Conhecer outras cidades do Brasil e, até mesmo, outros países é uma experiência realmente estimulante. Você com seu companheiro ou com sua família têm a chance de sair da sua zona de conforto, de fazer novas amizades e de descansar em um lugar mais tranquilo, por exemplo.

Mas já pensou em viajar sem se preocupar com a contabilidade? Imagina como seria incrível fazer uma viagem gastando pouco?

Isso é possível! Basta tomar alguns cuidados e se planejar de maneira criteriosa para não ser pego de surpresa. Hospedar-se na casa de amigos e comprar passagens com antecedência são algumas das soluções possíveis.

Quer saber mais? Acompanhe este texto e conheça boas maneiras de fazer os planos de viagem sem gastar além do que você pode. Confira!

1. Planeje e reserve com antecedência

“Quem chegar primeiro ganha”. Essa regra vale muito para competições esportivas e também para o planejamento de viagens. Afinal, quem consegue reservar ou quitar com antecedência as passagens conquista os melhores preços.

Por exemplo, quando o assunto é passagem de ônibus ou de avião, você consegue valores bastantes interessantes. Mas, para isso, você tem que comprar em média com 6 meses de antecedência. Uma dica é comprar nos finais de semanas, período em que, geralmente, os preços são mais baixos.

2. Prefira viajar em baixa temporada

Viajar para um lugar em que a época do ano não é tão convidativa para os turistas pode ser bem mais barato.

Em alta temporada, os proprietários de hotéis e pousadas precisam equilibrar a demanda com a oferta. E, para regular isso, utilizam o critério de preço. Quem puder pagar determinado valor conquista a hospedagem. Na baixa temporada, como não tem alta demanda, o preço cai.

Além do mais, você consegue as melhores acomodações. Geralmente, em lugares com várias opções de quartos, fica difícil encontrar um quarto de casal, por exemplo, em período de alta temporada. Como resultado, você economiza dinheiro e ainda desfruta de melhores condições de hospedagem.

3. Faça mais de um roteiro para a mesma região

Quantos lugares no mundo você e seu companheiro querem visitar? E quão perto eles estão um do outro?

É só parar um pouco para pensar e perceber que alguns locais que vocês desejam conhecer estão muito próximos entre si. Então, você, seu companheiro ou família podem aproveitar e curtir vários destinos de uma só vez.

Por exemplo, vamos imaginar que vocês têm a meta de visitar as capitais brasileiras. Dependendo da sua localização, vocês podem começar a cumprir uma etapa desse desejo, conhecendo Campo Grande (a capital do Mato Grosso do Sul). Quando estiver nessa cidade, vocês podem aproveitar para ir até a famosa cidade de Bonito.

Esse lugar fica na região sudoeste do estado, apenas 300 quilômetros de distância da capital. O lugar tem diversas atrações, dentre elas, rios de águas transparentes, grutas e cavernas, além de fauna e flora exuberantes. Basta escolher um pacote de viagem para Bonito e se aventurar nessa incrível viagem.  

4. Entre em contato com amigos para encontrar hospedagem

Já pensou o quanto uma viagem pode ficar mais barata se você e seus acompanhantes economizarem com a hospedagem? Às vezes, você tem algum amigo que mora no local que quer visitar. Aproveite e entre em contato com seu amigo e pergunte sobre a possibilidade de ele abrigar você e mais companhias por uns dias?

Em muitas situações, esse tipo de atitude até ajuda a fortalecer amizades. Pode ser que faz muito tempo que não o vê e este tenha se mudado justamente para o destino escolhido para a sua viagem.

Converse sobre a ideia de ele hospedar vocês e o convide para fazer o passeio também. Quem sabe você descobre que seu amigo é um bom guia turístico?

5. Estipule um limite de gastos e controle o orçamento

Para fazer uma viagem gastando pouco, mas sem deixar de aproveitar tudo de bom que o destino pode oferecer, é essencial estipular um orçamento de viagem.

Uma maneira de fazer isso é organizar todos os gastos fixos e possíveis. Quanto ao primeiro tipo, quer dizer considerar os custos com passagem, estadia, alimentação e lembrancinhas.

É importante limitar até quanto você pode gastar por dia e o que você realmente quer levar de recordação do local visitado. Não adianta comprar um acessório que existe na sua cidade, só que, na empolgação da viagem, você resolveu comprar.

Quanto aos gastos possíveis, estes são para cobrir eventuais situações. Por exemplo, você não sabe o quanto vai gastar em baladas ou feirinhas da cidade. Mas não quer deixar de frequentar esses lugares. Então, reserve um dinheiro a mais para poder aproveitar com tranquilidade.

6. Fuja de lojas e restaurantes tipicamente turísticos

Há cidades, como Rio de Janeiro, por exemplo, que possuem regiões fortemente reconhecidas como pontos turísticos, nas quais sempre há uma estrutura voltada para os visitantes.

No entanto, isso quer dizer também que os preços são mais salgados nesses locais em relação a outras áreas na cidade. Comumente, lojas e restaurantes trabalham com preços maiores, tomando como base o poder de compra do turista que visita o lugar.

Para economizar na sua viagem, é interessante evitar esses pontos. Antes de viajar, faça uma pesquisa sobre o local e pegue recomendações, principalmente de onde comer com um preço mais em conta. Existem maneiras de curtir uma cidade sem seguir o tradicional (e caro) roteiro turístico.

7. Busque hospedarias alternativas

Dependendo do seu destino turístico, a hospedagem em um hotel pode ser bastante cara. Mas esse não é um motivo para você desistir de viajar. Há muitas cidades com bons albergues e hostels. E tem até mesmo gente que aluga quartos na própria casa.

Essas opções costumam ser bem mais baratas do que o hotel. Algumas delas ainda possuem café da manhã. Você e seus acompanhantes também terão a experiência de se hospedar de forma diferente. Pense nisso e economize na sua próxima viagem.

Essas foram algumas maneiras de planejar uma viagem gastando pouco. Além de seguir esses passos, é interessante conversar com alguém que já visitou o lugar para onde você quer ir. Assim, com dicas valiosas, você pode economizar ainda mais em outros aspectos.

Gostou dessas informações? Fique por dentro de outros assuntos curtindo as nossas redes sociais — Facebook, Twitter, Instagram e Google Plus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *