fbpx

Viagem com pets: dicas para viajar com o seu melhor amigo de carro ou avião

Viagem com pets: dicas para viajar com o seu melhor amigo de carro ou avião

Na hora de planejar uma viagem, quem tem um bichinho de estimação sempre precisa decidir o que fazer: deixá-lo aos cuidados de alguém ou levar o animal consigo? Se você optar por levar o seu pet junto, é preciso se preparar com antecedência e incluir no planejamento o melhor jeito de transportá-lo, conhecer as regras para viagens de avião com animais, o que levar, entre outros.

Pensando nisso, separamos as principais dicas para viajar com pet com conforto e segurança, para que vocês possam curtir o destino juntos. Confira! 

Viagem de avião

Viagem com pets

Em viagens de avião, existem diversas regras e procedimentos que devem ser seguidos para garantir o conforto e a segurança do seu pet. Nas principais companhias aéreas brasileiras, é permitido viajar de avião com animais, mas não existe uma legislação específica adotada por todas as companhias e por isso, antes de planejar a viagem, é preciso se informar sobre as regras de cada uma delas. Assim, você pode comprar sua passagem com a companhia cuja política de transporte seja mais agradável para você e o seu bichinho.

Para solicitar o serviço e viajar com o seu pet, será necessário pagar uma taxa, que pode ter diferentes preços em cada companhia aérea, podendo variar com o peso e tamanho do animal.

Caso ainda tenha espaço para o seu bichinho no voo, serão solicitados alguns documentos como atestado de saúde e carteira de vacinação do animal.

Para viagens internacionais alguns outros documentos podem ser exigidos, como:

Dicas

Se para nós, viajar de avião pode causar certo desconforto e ansiedade, imagine para o animal, que vai passar a viagem inteira preso. Por isso, para evitar possíveis dores de cabeça para você e para o seu pet, é importante estar atento a algumas coisas:

Certificado Zoossanitário Internacional;
Passaporte do animal;
Laudo de sorologia;
Comprovante da implantação de microchip no animal.

Chegue com antecedência no aeroporto

Chegue no aeroporto com antecedência mínima de 2 horas, para fazer o check-in do seu pet. Com esse tempo de antecedência, ele também terá a chance de se ambientar ao aeroporto e com a quantidade de pessoas ao redor.

Identifique o animal

Coloque uma etiqueta de identificação com os seus dados na caixa transportadora do seu bichinho para evitar possíveis confusões. Na coleira do seu pet, coloque o seu nome e o telefone de contato.

Habitue o animal à caixa transportadora

Se o seu pet não tem costume de viajar, comece a acostumar ele com a caixa transportadora ou na bolsa de transporte uns 15 dias antes da viagem. Faça com que seja uma experiência divertida para ele, dê petiscos e brinquedos enquanto estiver dentro da caixa. Assim ele não vai ficar desconfortável durante a viagem por ter que ficar em um lugar que ele não está acostumado.

Outra dica bem legal para que o bichinho não fique muito agitado, é recomendado colocar um pedacinho de pano ou até mesmo uma roupa com o seu cheiro dentro da caixa do animal.

Viagens de carro

Viagem com pets

Um pouco menos complicado do que viajar com pet de avião, a viagem de carro com gato ou cachorro também necessita de cuidados para um transporte confortável e seguro.

O primeiro passo para um passeio tranquilo é o planejamento. Por isso, mesmo que o animal já esteja acostumado com trajetos mais longos, é essencial realizar paradas no mínimo a cada duas horas para que o pet possa fazer suas necessidades e se distrair um pouco.

Durante a parada não é recomendado alimentar o animal, já que ele pode sofrer com enjoos. Além disso, é obrigatório o uso de caixas de transporte e cinto de segurança. Certifique-se de que seu pet esteja bem preso ao equipamento. Os tutores devem estar cientes de que transportar o animal solto no veículo é considerado infração grave, com multa e perda de quatro pontos na carteira.

Checklist para viajar com pet

Na hora de embarcar é essencial verificar se todos os documentos estão em dia. Entre as responsabilidades básicas de quem vai viajar com seu pet estão ter em mãos a carteira de vacinação atualizada e um atestado de saúde.

O ideal é que o dono do animal faça uma lista completa e leve junto acessórios essenciais, como:

Coleira e guia;
Bebedouro e comedouro;
Tapete para cães e caixa higiênica para gatos;
Sacos higiênicos;
Petiscos;
Brinquedos;
Medicamentos.

Além disso, não se esqueça da plaquinha de identificação do animal. Nela devem conter todos os dados do bicho e do tutor, como nome e telefone.

Hotéis pet friendly

Antes de embarcar é preciso procurar lugares para se hospedar com pets (os locais pet friendly). Lá, seu amigo terá liberdade para circular pelos ambientes e em alguns casos, terá vantagens só para ele.

No entanto, vale lembrar que os hotéis exigem que na hora da reserva seja apresentado o cartão de vacinação e atestado de saúde do animal. Além disso, alguns lugares também oferecem serviços de pet shop e pet sitter. Dessa forma, o animal se diverte com passeios e brincadeiras especiais para ele.

Viagem com pets

Viaje com a Bonitour!

Gostou das dicas? Monte o seu roteiro com a Bonitour! No site, você pode montar o roteiro da sua viagem para Bonito/MS, Serra Gaúcha/RS e Fernando de Noronha/PE de maneira fácil e rápida através do Roteiro Fácil, uma forma simples e prática para organizar a sua viagem. E baixando o aplicativo de viagens Bonitour, você tem acesso ao seu roteiro, além das facilidades de check-in online e cashback nos destinos. Acesse o nosso site e confira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


    Receba nossas dicas por e-mail 🙂